marketing digital para as matrículas

Os avanços tecnológicos têm influenciado o comportamento do consumidor ao fazer uma nova compra ou contratar um serviço. Afinal, o mundo digital permitiu que o público fique bem informado e, portanto, mais exigente. Sendo assim, não é recomendável direcionar a divulgação de produtos e/ou serviços apenas para as mídias tradicionais, mas sim investir também no marketing digital.

Na área de ensino e educação não é diferente — a mídia online precisa ser considerada para que sua escola se destaque, fornecendo conteúdos de qualidade para captar a atenção de pais e alunos e, assim, mostrar seus diferenciais por meio de diferentes canais.

Quer entender melhor a importância do marketing digital para as matrículas da sua escola? Acompanhe este post!

O que é o marketing digital e como ele é utilizado em instituições de ensino?

O marketing digital é uma forma de fazer a divulgação da sua escola por meio dos canais digitais — mas não pense que estamos falando daquela publicidade que apenas vende o seu serviço nas mensagens. São ações para que você consiga se comunicar com seu público de forma personalizada e no momento certo.

Trata-se de um plano de estratégias que vai promover uma percepção positiva a respeito da sua escola, proposta pedagógica, de sua infraestrutura e outros diferenciais.

Para isso, é importante fazer um planejamento e definir quem é o seu público-alvo, ou seja, com quem você quer falar e para quem vai produzir conteúdos de qualidade.

Renata Rudge, do Eleva Educação, explica que o marketing que eles realizam em suas escolas conta com a equipe de comunicação e de eventos.

“Fazemos parcerias e trabalhamos com fornecedores externos para assessoria de imprensa e plano de mídia”, completa.

Ela destaca a importância do marketing digital:

“Atualmente, pais e alunos se informam pelas redes sociais e demais meios de comunicação online. Assim, é necessário se comunicar por meio dessas mídias para trazer ao conhecimento do público períodos de matrícula, detalhes do processo, diferenciais pedagógicos e resultados”.

No caso do Eleva, a ideia é transmitir os diferenciais do sistema que eles oferecem, destacando as vantagens no aprendizado dos estudantes.

“Explicar o funcionamento e benefícios aos alunos é sempre a direção do que fazemos. Por exemplo, falamos o que é o material contextualizado e o benefício que traz, que é o de captar a atenção e interesse dos alunos”, explica Renata.

Segmentação do público

O marketing digital para as matrículas da sua escola só será eficaz se você souber exatamente quem é o seu público. Isso pode ser feito analisando o perfil dos atuais estudantes ou por meio de uma pesquisa de mercado. É importante definir a faixa etária, dados de localização, hábitos de consumo e interesses.

São as chamadas personas, ou seja, perfis semifictícios para representar o aluno ideal de sua escola. Podem ser criadas várias personas: de pais e de estudantes por séries, por exemplo.

“Buscamos sempre entender o perfil do nosso público, o que eles valorizam, e entregar isso para eles no dia a dia da escola e, consequentemente, na comunicação”, comenta Renata.

Qual é a importância de ter uma presença digital?

Pouco a pouco, as escolas vêm descobrindo os bons resultados das mídias digitais em relação às campanhas tradicionais (propagandas e panfletos em revistas, jornais, anúncios no rádio e TV, outdoor etc.).

De acordo com a pesquisa Edutrends, com números de 2016, que traz um panorama do marketing no mercado da educação, 66,5% das instituições de ensino que participaram do levantamento investem em marketing offline.

Já quando se trata do marketing digital, esse dado aumenta e chega a 81,3%, sendo que 41,7% delas investem até 10% do orçamento total de marketing para canais online. Os mais utilizados são as redes sociais (94,1%) e e-mail marketing (84%).

As escolas que direcionam seus investimentos para o marketing digital conseguem 8 vezes mais visitas em seus sites quando comparadas com aquelas que não investem. Geram, ainda, 9,5 vezes mais leads (contatos que podem fazer a matrícula na sua escola).

Viu só como é essencial apostar no marketing digital para as matrículas da sua escola? Saiba também que a pesquisa apontou outras vantagens: as instituições de ensino que utilizaram o marketing de conteúdo em suas estratégias digitais, especificamente a publicação em redes sociais, tiveram 10 vezes mais visitas do que aquelas que não utilizaram esse tipo de ação.

Quais são os principais canais digitais?

Quando você engaja o seu público com conteúdos de qualidade nas mídias digitais, consegue mostrar seus diferenciais, o que vai levar a um aumento das visitas na sua escola.

É preciso fazer um planejamento detalhado e ter em mente que é uma estratégia de médio e longo prazo, mas que traz resultados. O importante é marcar presença onde o seu público está e se mostrar como autoridade e referência em sua área de atuação.

Se você quer aumentar a atração e também retenção de alunos por meio do marketing digital, deve estar interessado em conhecer os principais canais. Veja a seguir!

Redes sociais

As escolas precisam estar presentes nas redes sociais que o seu público mais utiliza, como Facebook, Instagram, Twitter e YouTube. São canais interativos em que é possível divulgar conteúdos diversos (posts, imagens e vídeos), fazer o atendimento de pais e estudantes, tirar dúvidas de seguidores etc.

São plataformas que permitem um relacionamento mais próximo e personalizado com o público, divulgando sua marca e valores.

Site

Ter um site com um design agradável e que contenha todas as informações sobre a escola (formas de contato, informações dos cursos, metodologia, material didático, entre outras) é fundamental para quem pretende aumentar as matrículas.

As pessoas utilizam sites de busca, como o Google, para procurar informações sobre produtos e serviços e, por isso, sua escola deve ter uma página completa e que atraia a atenção de pais e alunos.

Além disso, é essencial que o site esteja sempre atualizado e seja responsivo, ou seja, adequado também para acesso em outros dispositivos, como o smartphone.

Blog

Além do site, você deve criar um blog com artigos e materiais ricos que sejam de interesse do seu público, e que deve ser atualizado frequentemente. A ideia é trazer conteúdos relevantes para toda a comunidade acadêmica. Você pode falar, por exemplo sobre metodologias inovadoras e tendências na educação.

E-mail

Sua escola também pode se relacionar com o público pelo e-mail. No entanto, é uma relação que precisa ser conquistada — pode ser com chamadas em seus posts, com banners em seu site que ofereçam a assinatura de newsletter, ou, ainda, oferecendo materiais ricos como e-books, que precisem do e-mail para disponibilizar o download.

É essencial adotar o marketing digital para as matrículas da sua escola. Com o uso das estratégias corretas, você consegue se relacionar com seu público em potencial e, assim, captar sua atenção e mostrar as qualidades da sua instituição de ensino.

Gostou das nossas dicas? Conheça também 5 estratégias para a captação de alunos neste post!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Shares
Share This