Como dar aulas pelo Google Sala de Aula?

Google Sala de Aula
7 minutos para ler

Com as escolas fechadas e nossos alunos em casas, precisamos usar a tecnologia a nosso favor. Assim, os professores podem dar aulas pelo Google Sala de Aula, ferramenta que o Rodrigo Rodrigues, Coordenador de Tecnologia Educacional da Escola Eleva, apresentou na nossa live, no instagram.

Sobre a ferramenta

O Google Sala de Aula é uma ferramenta criada para desenvolver conteúdos de aula, seja presencial ou à distância, e pode ser usada de formas diferentes, como para a interação dos alunos com conteúdos ou realização de atividades. 

Ela também funciona para engajar os alunos em relação ao conteúdo. Ao deixar o espaço aberto para que o mesmo participe, a ferramenta também proporciona-lhe a oportunidade de ser sujeito de sua própria aprendizagem, ou seja, de entrar nesse processo de construção de conhecimento de forma interativa.

Do outro lado da tela, os professores encontram uma ferramenta que facilita a dinâmica, o planejamento das aulas e também a organização dos conteúdos. Por isso, ela é essencial na gestão do tempo do professor, além de ser uma solução eficiente para a distribuição de tarefas, atividades, elaboração de questionários e avaliações à distância.

Como funciona para o professor

Todos os usuários do Google Sala de Aula, alunos e professores, precisam ter uma conta do Google para entrar na plataforma, isto é, um e-mail do Gmail que possa ser usado no processo de cadastro. Isso porque a ferramenta é integrada com o Google Drive, plataforma de arquivos salvos na nuvem, e com o Google Agenda, para receber notificações e alertas.

A ferramenta é gratuita e, principalmente nesta época de quarentena, o acesso está ainda mais fácil, a fim de incentivar mais professores a aderirem e continuarem suas aulas no ambiente virtual. E o acesso pode ser feito pelo computador ou pelo celular.

Dentro da plataforma, o professor pode criar uma sala de aula destinada a cada disciplina que ministra, ou salas exclusivas para mandar avisos e recados aos alunos, facilitando a organização e destaque de comunicações importantes durante esse período, por exemplo.

Dentro das salas de aula geradas, é possível criar conteúdos gerais e tópicos no interior de cada conteúdo, adicionando apresentações, fotos, vídeos, postagens, comentários e links. Mas é importante lembrar que a plataforma não tem a opção de gravar o vídeo dentro dela, ou de realizar vídeos ao vivo. É necessário gravá-los usando outra ferramenta e fazer o upload no Drive, ajustando as configurações de compartilhamento de vídeo e copiando o link dentro da sala de aula online.

É possível, também, ter uma visão ampla de cada aluno, através de um relatório com histórico de atividades, o qual mostra todas as tarefas realizadas ou não, se foram entregues atrasadas e o desempenho do aluno.

Como dar aulas pelo Google Sala de Aula?Powered by Rock Convert

Como funciona para o aluno

Os destaques da funcionalidade da plataforma, para os alunos, são a interatividade e a organização dos conteúdos e tarefas integrados à agenda do Google, reforçando a rotina, que é mais do que necessária durante o período de isolamento social pelo qual passamos.

Dentro do Google Sala de Aula, os alunos também têm a opção de baixar os conteúdos disponibilizados, responder às perguntas, fazer comentários, interagir com outros alunos e com o professor.

Como o conteúdo fica disposto de forma organizada, os alunos conseguem acessá-los de maneira prática, podendo passear pelos tópicos, revendo conceitos, e até mesmo voltar, a qualquer momento, em pontos específicos que demandam mais atenção.

Desta forma, a ferramenta é essencial para o aluno manter uma rotina de estudos e atividades; e o professor, de planejamento e elaboração de aulas. E, claro, manterem também a comunicação entre si e com outros alunos da turma, o que é muito importante, já que todos estão em suas casas.

A comunicação entre professor e aluno tende a ser mais ágil e simples através do mural, que é uma funcionalidade similar às redes sociais, no qual se pode fazer postagens rápidas e práticas, dentro da plataforma.

Atividades, avaliações e tarefas

No Google Sala de Aula, é possível criar tarefas, atividades e questionários dentro dos conteúdos, além de programar o horário e a data em que estarão disponíveis para o aluno, ajudando-o a criar uma rotina, entendendo que existem datas e horários fixos para as atividades e aulas de cada matéria, assim como na sala de aula presencial. Com a integração da ferramenta com o Google Agenda, todas essas atividades são incorporadas na agenda do aluno, possibilitando que ele receba avisos e lembretes sobre a data de entrega.

Um recurso muito ágil é a opção de montar questionários com o gabarito. Dessa forma, a plataforma corrige automaticamente os exercícios, no caso de perguntas optativas, e fornece a nota do aluno, que tem esse resultado, imediatamente, ao terminar da prova. Isso proporciona ao aluno a oportunidade de buscar os conteúdos em que teve dúvidas e vê-los novamente.

Quando o professor inclui um material, os alunos podem tanto adicionar comentários e trocar informações, como também responder às dúvidas de outros alunos, ou complementar com outros comentários, uma boa iniciativa para gerar debates sobre os conteúdos. 

Ao realizar atividades online, a plataforma organiza as respostas de todos os alunos, propiciando uma visão geral ao professor, que poderá avaliar o desempenho e adicionar comentários em uma  mesma tela, dando oportunidade ao aluno de enviar uma versão atualizada da tarefa, com as melhorias indicadas. Além disso, se for uma atividade na qual o aluno precisou enviar um arquivo, seja foto do caderno, documento de texto ou vídeo, o professor poderá salvá-la automaticamente no Drive, organizado por pasta, turma e conteúdo. 

A avaliação da atividade é mais fácil, pois há a opção de visualizar os critérios disponíveis para avaliação e dar uma nota para cada um deles, chegando, assim, na nota final. Esses critérios são disponibilizados para o aluno antes da atividade, para que estes possam desenvolver o que foi proposto de acordo com os pontos que serão avaliados, e, posteriormente, são devolvidos, a fim de que entendam seu desempenho na atividade.

Algumas dúvidas das famílias e alunos

1- Conexão

Com o cenário em que estamos vivendo, no qual todos estão em casa e conectados à internet o tempo todo, durante todos os dias, o Google fica sobrecarregado em alguns momentos, assim como outras plataformas online. Por isso, pedimos paciência às famílias e alunos, porque a conexão ficará mais devagar em algumas partes do dia e depois normalizará.  

2- O professor postou o vídeo, mas apareceu uma janela para pedir permissão

Às vezes o professor gravou o vídeo e fez o upload no Drive, mas não ajustou as organizações de compartilhamento para disponibilizá-lo a todos através do link.

Quando isso acontece, basta comentar na plataforma, marcando o professor, para que ele consiga fazer os reparos necessários.

3- Arquivos e tarefas

É importante que as famílias ajudem o aluno a se certificar de que anexou o arquivo dentro do tópico da tarefa, para que fique organizado e não se perca entre as postagens do mural.

Usando a tecnologia para a aprendizagem

O Google Sala de Aula é uma boa sugestão de plataforma online para continuar seu planejamento de aulas e compartilhamento de vários tipos de conteúdo, como fotos, vídeos, links, textos e apresentações. Também ajuda a manter a interação com os alunos e entre eles, além de entender como eles se sentem, se estão acompanhando os temas ou se estão com dúvidas, e avaliar suas atividades e tarefas.

Quer saber como usar melhor essa plataforma? Separamos alguns tutoriais para você.