Qual o papel da orientação escolar no desenvolvimento dos alunos?

orientação escolar
6 minutos para ler

O colégio é, sem dúvidas, um dos ambientes mais importantes na vida de crianças e adolescentes, afinal, é nesse local que eles passam grande parte do tempo. Por isso, durante esse processo de desenvolvimento, é natural que surjam obstáculos, — os quais podem ser contornados por meio da orientação escolar.

Dentro do meio escolar, o orientador educacional desempenha uma gama de funções que visam favorecer, cada vez mais, o aprendizado dos alunos. Por isso, a instituição de ensino que valoriza esse processo alcança resultados bastante significativos.

Ficou interessado nesse assunto? Então, continue acompanhando este artigo. A seguir, você vai entender melhor como a orientação escolar funciona e qual é o seu papel no desenvolvimento dos estudantes. Confira!

Qual o papel da orientação escolar no desenvolvimento dos alunos?

O que é a orientação escolar?

A orientação escolar é um conjunto de ações elaboradas para promover a integração de todas as partes envolvidas nesse processo, de modo a fomentar o desenvolvimento dos alunos em cada um de seus aspectos. Assim, esse processo ultrapassa os limites dos conteúdos curriculares para colaborar, também, com a formação de cidadãos conscientes dos seus direitos e deveres na sociedade.

Derivada da orientação profissional, a orientação escolar teve início nos Estados Unidos, no começo do século XX. A princípio, sua ideia central era apenas ajudar os alunos na escolha de suas carreiras. Para isso, era necessário que o orientador estivesse a par das características de cada discente, a fim de guiá-los nessa tomada de decisão tão importante.

Com o tempo, a orientação educacional se tornou mais completa, passando a se preocupar com a formação do aluno como um cidadão, e não só em relação ao seu futuro profissional. Por esse motivo, o orientador precisa estar atento tanto aos alunos quanto ao corpo docente e ao restante da comunidade escolar.

Além disso, a orientação escolar é fundamental na mediação de conflitos, para contornar questões de indisciplina e para ajudar a lidar com as limitações de cada aluno em relação ao ritmo de aprendizagem, por exemplo. Assim, a instituição de ensino foca em um desenvolvimento pleno, levando em conta o caráter intelectual, social, político, moral e emocional do estudante.

Na prática, os orientadores educacionais mantêm contato frequente com os alunos, dentro e fora da sala de aula, incentivando sua autonomia na vida escolar e a boa convivência entre o grupo. No que se refere aos educadores, os orientadores podem discutir a situação de cada aluno e propor intervenções para melhorar o seu aprendizado.

Em relação às famílias, esses profissionais participam das reuniões de pais e também de conversas individuais, — eventualmente requisitadas pelos responsáveis, ou até mesmo pelo colégio. Desse modo, a orientação escolar participa de todos os aspectos que envolvem a experiência estudantil das crianças e dos adolescentes.

Quais são os principais objetivos da orientação educacional?

De forma mais direta, é possível determinar que um dos principais objetivos da orientação escolar é auxiliar o aluno a se adaptar ao meio que o cerca. Assim, esse processo dá o suporte necessário para ele se reconhecer como um indivíduo que faz parte de um coletivo.

Por conseguinte, o estudante recebe o apoio que precisa para superar dificuldades de aprendizagem, melhorando seus resultados escolares e construindo o caminho rumo à continuação dos estudos após o fim do Ensino Médio. Enquanto isso, ele também ganha consciência de si mesmo e do lugar que ocupa na sociedade.

Quanto à instituição de ensino, a orientação escolar tem o objetivo de integrá-la à comunidade como um todo, o que invariavelmente acaba influenciando o desenvolvimento dos estudantes. Quanto mais a comunidade escolar trabalhar em conjunto, mais completa será a formação proporcionada aos jovens.

De que modo a orientação escolar é relevante para o desenvolvimento dos alunos?

Quando a instituição de ensino valoriza o papel do orientador educacional, grandes avanços podem ser feitos na educação por ela oferecida. A seguir, veja os principais aspectos que são fortalecidos com a orientação escolar!

A relação do aluno com a escola

Dada a sua função dentro do ambiente escolar, é natural que o orientador educacional seja um dos membros da equipe pedagógica mais próximos dos alunos. Por meio do diálogo, ele consegue estabelecer uma relação de confiança e deixar os estudantes mais ligados ao colégio.

Desse modo, o estudante pode se sentir à vontade para compartilhar dificuldades pelas quais está passando na vida escolar ou fora dela. Consequentemente, o colégio pode traçar estratégias para auxiliá-lo a superar esses desafios.

A compreensão do comportamento dos alunos

A partir desse relacionamento mais próximo, o orientador educacional e demais educadores têm condições de compreender melhor o comportamento dos alunos. Mesmo quando possíveis motivos de queixa não forem verbalizados, os profissionais podem detectar problemas e buscar as soluções para contorná-los.

A preparação do aluno para o exercício da cidadania

Uma boa instituição de ensino reconhece a necessidade de formar cidadãos conscientes, inclusive mencionando esse ponto no projeto político pedagógico. No entanto, nem sempre as medidas cabíveis são tomadas para concretizar esse objetivo. Nesse sentido, a orientação escolar possibilita que essa intenção se torne uma realidade.

A formação de valores, atitudes e emoções

O modo como a vida familiar e escolar do jovem se relacionam influencia muito na forma como são construídos os seus valores, como são tomadas as suas decisões e como ele expressa as suas emoções nas mais variadas situações. Desse modo, se a escola se der a devida relevância para esses quesitos, além do currículo e das notas, ela poderá contribuir muito para uma formação completa dos seus alunos.

Como vimos, a orientação escolar tem um papel fundamental em todos os aspectos do desenvolvimento do aluno. Portanto, ela precisa fazer parte da rotina da instituição de ensino, a fim de que uma educação realmente plena seja proporcionada aos estudantes. Se isso for feito, toda a sociedade será beneficiada.

Então, a sua escola já conta com uma boa orientação educacional? Você conhece pessoas que precisam saber como esse acompanhamento é positivo para o desenvolvimento dos alunos? Compartilhe este artigo nas suas redes sociais e contribua para a conscientização de todos sobre esse assunto!

seja uma escola parceira

Um comentário em “Qual o papel da orientação escolar no desenvolvimento dos alunos?

Deixe uma resposta